4.10.13

Sono, muito sono

Acho que desde a última vez que aqui vim passaram 2 semanas. Neste momento, aproximo-me das 11 semanas de gestação e o sono ainda não passou.

A minha vida resume-se a dormir, trabalhar e dormir. Como trabalho em casa, é-me muito fácil deixar-me adormecer ao computador. Claro que isso faz com que o meu dia de trabalho se prolongue. Não há vida social, não há espaço para telefonemas, nem disposição para conversas. Há tanta coisa a acontecer comigo neste momento e parece que não tenho reacção.

O que mais me surpreende é que só se costuma informar uma gravidez a partir do primeiro trimestre. A maioria das mulheres leva uma vida normal, insuspeita, trabalha e tem que suportar estes sintomas horríveis. Eu tenho imeeeeenso sono e dores de barriga o dia todo. Não tenho grandes enjoos (não tomei um único Nausefe até agora), passei a ter falta de apetite (como mesmo porque tenho de alimentar a criança) e as dores nas mamocas já não são tão fortes. Agora, como se disfarça o sono e o cansaço?

Espero que em breve isto mude e que possa apreciar a gravidez e regressar à vida normal.

Sem comentários:

Enviar um comentário

.