26.5.16

Vomitar à noite

Esta semana, a Maria Victória vomitou a cama 3 vezes.  Não foram 3 vómitos, foram mesmo 3 noites em que tive que mudar a roupa toda da cama e da própria.
Apanhei um grande susto no primeiro dia porque recuei ao verão passado em que foi necessário ficar internada. Estava a dormir há umas 2 ou 3 horas e começa a vomitar. Primeiro, o leite que bebeu antes de dormir, depois bílis. Fomos ao hospital e lá ficou a soro. Experiência a não repetir porque me custou imenso ver a minha filha a sofrer, apesar de não ser nada de grave. Mais uma lição a aprender com as tantas crianças doentes por esse mundo e suas famílias.
Desta vez, vomitou comida e ficou-se por aí. O pai mudou a cama enquanto eu tratei dela e quis voltar logo a dormir. No dia seguinte, aconteceu a mesma coisa. Descansou um dia e logo voltou a repetir proeza. Não foi uma virose nem qualquer alergia. Acho eu. Só vomitou à noite, sempre depois do leite. E depois ficava bem. Suspeitamos que é dos petiscos que come entre o jantar e o leite antes de dormir.
A Maria Victória janta entre as 7 e as 7:30. Eu e o pai jantamos sempre depois das 8. Ela quer sempre comer mais qualquer coisita do que nós comemos. E quando não quer, o pai chama por ela e oferece-lhe de tudo e mais alguma coisa. E ela, que é um óptimo dentinho, aceita tudo. Ou seja, ela não consegue digerir tudo o que come porque depois está cheia de vontade de beber o seu leitinho. Não há espaço para tanta coisa e tem de sair. Cheguei a ver um camarão inteiro e muitos pedaços de frango que nem mastigou. Gosto muito de a ver comer bem e com apetite mas este hábito acabou. Da mesma forma que não a forço a comer nas suas refeições, também não lhe devo oferecer petiscos entre refeições, neste caso o jantar e a ceia (leite).
Já não vomita desde a noite de segunda. Ela vê-nos a comer, mas continua a brincar. Se vem pedir alguma coisa, opto por lhe dar alguma coisa mais inócua, como pão. Sempre será mais fácil de digerir do que camarão.
É triste ver como fomos descuidados nisto. Somos sempre tão preocupados com a alimentação dela, come sempre sopa, mais um prato saudável, fruta... E não vimos nada de mal nuns petiscos de adultos. Sempre a aprender que todo o cuidado é pouco com os nossos pequeninos.

Sem comentários:

Enviar um comentário

.